Formação APEE EB Armando Guerreiro

Em Setembro de 2021 iniciámos um processo de formação com a APEE da EB Armando Guerreiro, Linda-a-Velha.

Reflexão da Natália, uma das participantes da formação, após a primeira sessão de Brincadeira aos Pedaços:

A sessão foi além das minhas expectativas, visto que esse grupo é de crianças, que em
quase toda sua totalidade, não estiveram na sessão anterior ou mesmo algum dia houvessem
brincado com tralha. Diferente da primeira sessão a desse grupo teve características
peculiares visto a idade das crianças e a sua fase no desenvolvimento. Fizemos a seleção da
tralha que iria ser inicialmente usada e as crianças ajudaram com a colocação da mesma no
espaço que tínhamos, assim como no final ajudaram-nos a recolher todos os objetos, assim
facilitou o descarte, a arrumação e organização de tudo. Com um grupo reduzido e outros
observadores, pude ficar atenta a todas as atitudes e rumos que a brincadeira ia tomando,
além de poder gerir melhor os conflitos que surgiram, isso pela proximidade a todos que
estavam no espaço. Em poucos momentos eu assumi o papel de “brincante”, somente em
algumas situações específicas que notei que as crianças precisavam de mais interação entre
si para a brincadeira continuar, isto em: no momento em que me ofereço para ser compradora
na loja que estavam abrindo, ou dou ideia da negociação de um objeto “valioso” e fico ali
observando toda essa movimentação. No restante dos momentos fiquei como observadora, o
que a meu ver foi muito interessante. Todas as atitudes que as crianças tiveram na
brincadeira foram importantes, mas destaco as que me chamaram maior atenção e me
fizeram refletir sobre a distinção de cada grupo e as atitudes perante ao tipo de tralha que é
disponibilizado.
• Tecidos e outras tralhas como adornos e componentes de fantasias.
• Panelas como instrumentos.
• Caixas inicialmente vazias feitas de “tesouros” próprios.
• A brincadeira solitária e a dois sendo tranquila e como uma opção.
• Caixas sendo exploradas interiormente sem medos.
• Houve organização da tralha durante a brincadeira.
• Inicialmente juntar objetos e somente em seguida pensar uma utilidade para o que foi
juntado e partilhar.
• Objetos com funções iniciais e em seguida com funções diferentes (pelas mesmas
crianças).
• A mudança de espaço e a inserção de praticamente todos nesse momento.
Por fim, foi interessante diante de toda a sessão e o grupo poder pensar nos materiais que
podemos inserir nas próximas, além dos espaços que podemos explorar também.
Notas finais:
Na colocação à disposição e recolha do material, tivemos a ajuda das crianças. Tempo
despendido: 5 min no início + 5 min no final.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s